quinta-feira, 7 de maio de 2009

Ministério público encontra irregularidades em doações de Kassab

O Ministério Público Eleitoral vai pedir à Justiça que rejeite as contas de campanha apresentadas pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), referentes às eleições de 2008. As investigações da promotoria encontraram irregularidades em doações ao prefeito e a 46 dos 55 vereadores eleitos na cidade, de quais o Ministério Público também deve pedir a impugnação das contas. O promotor Maurício Antônio Ribeiro Lopes, da 1ª Zona Eleitoral, afirma que, em sua análise, encontrou irregularidades como doações feitas por empresas que têm ligações com concessionárias de serviços públicos e doações de associações. "Esse tipo de doação é ilegal. Meu entendimento é de que essas irregularidade têm que ser coibidas", afirma o promotor. A intenção de Lopes é de que e a Justiça considere o prefeito e os 46 vereadores que estão com os nomes sob sigilo inelegíveis. O Ministério Público ainda deve analisar as prestações de contas de candidatos que não foram eleitos em busca de outras irregularidades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário