terça-feira, 2 de junho de 2009

Diretor de Sylvester Stallone dá calote de 800 mil no Brasil

Cerca de 50 pessoas, entre proprietários de locadoras de veículos, oficinas, reboques e particulares, que trabalharam direta ou indiretamente nas filmagens de "Os mercenários" ("The expendables"), novo filme de Sylvester Stallone, rodado principalmente em Mangaratiba, na Costa Verde, até agora não viram a cor do dinheiro prometido pela produção do ator. A média do prejuízo de cada um está em torno de R$ 20 mil e o total da dívida pode chegar a R$ 800 mil.
A empresa O2 Filmes, de São Paulo, que ficou de repassar o dinheiro da produtora americana Millenium, disse que o problema foi causado por uma mudança na produção do filme, que deverá ser sanado o mais rapidamente possível. Grande parte das pessoas que reclamam da falta de pagamento foi contatada, no início de março passado, pela O2 Filmes, que intermediou a produção do filme, sob a responsabilidade da Millenium. Em nota, a O2 Filmes pede desculpas pelo atraso no pagamento dos serviços e explica que, no meio das filmagens no Brasil, o produtor americano que estava liberando os pagamentos foi hospitalizado.

Um comentário:

  1. Querido amigo avassalador... é... tá coerente com o nome Mercenarios...deviam incluir um "Caloteiros" na versão em portugues do titulo.

    ResponderExcluir