quarta-feira, 24 de junho de 2009

História: 24 de junho de 1821 Simón Bolívar derrotava os espanhóis

A luta pela independência das colônias e vice-reinos espanhóis na América do Sul já durava 12 anos quando o rei da Espanha, Fernando 7º, decidiu enviar reforço europeu para as suas tropas, no início de 1821. O inimigo a ser derrotado era Simón Bolívar, um comandante que superava os espanhóis em determinação e, se necessário, em brutalidade. Oriundo de família aristocrata criolla, José Antonio de la Santíssima Trindad Simón Bolívar y Palácios (1783-1830) ficou conhecido como El Libertador das colônias espanholas da América do Sul. Educado por um discípulo de Jean-Jacques Rousseau, passou a juventude na Espanha e França, onde acompanhou movimentos revolucionários. Em 24 de junho de 1821, Simón Bolívar comandou um exército de rebeldes sul-americanos que derrotou os espanhóis na principal batalha pela independência da Venezuela.

Nenhum comentário:

Postar um comentário