quarta-feira, 24 de junho de 2009

Produção de cocaína é a menor dos últimos 5 anos

A produção mundial de cocaína está em declínio no mundo, segundo relatório da UNODC (Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime), ligado à ONU (Organização das Nações Unidas), divulgado nesta quarta-feira. O documento mostra, ainda, aumento no uso da droga na América do Sul. O Brasil é o maior mercado da região, em números absolutos, com cerca de 890 mil usuários ou 0,7% da população entre 12 e 65 anos. Segundo dados do relatório de 314 páginas elaborado devido ao Dia Internacional contra o Tráfico e o Abuso de Drogas, lembrado na próxima sexta (26), a produção da cocaína em 2008 foi de 845 toneladas, a menor dos últimos cinco anos. O fator determinante para a queda foi o declínio de produção na Colômbia, país que produz a metade da cocaína no mundo. Houve redução de 18% no cultivo e uma redução de 28% na produção da droga, em comparação com 2007. A contrapartida é que mercados emergentes da droga, tais como Peru e Bolívia, apresentaram elevação. Outra droga que apresentou queda na produção foi o ópio no Afeganistão, país responsável por 93% da produção mundial de droga. No país da Ásia Central o cultivo apresentou retração de 19% em 2008.

Nenhum comentário:

Postar um comentário