quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Camisinha feminina com farpas para evitar estupro

Por UOL
Altos índices de violência sexual da África do Sul levaram à criação da Rape-aXe, camisinha feminina com farpas que inibe a ação de estupradores. Com a Copa do Mundo de 2010, invenção volta a ficar em evidência.O número de estupros na África do Sul é tão alto que a sul-africana Sonette Ehlers desenvolveu um mecanismo de defesa para inibir a ação dos agressores: uma camisinha feminina especial chamada Rape-aXe.Ehlers trabalha há anos com vítimas de abuso sexual. Certo dia, ouviu de uma dessas mulheres uma frase que não lhe saiu mais da cabeça: "Eu queria ter dentes lá embaixo".Uma vagina que morde é uma ideia que sempre aterrorizou os homens. Bastou uma apresentação pública da invenção para reduzir a zero o número de estupros numa cidade."O diretor de polícia me disse: 'Sonette, depois da sua apresentação, passamos três meses sem registrar um estupro sequer. Os homens ficaram com medo de que você tivesse deixado algumas dessas camisinhas por aqui'", conta ela.O medo dos homens tem fundamento. A possibilidade de cometer o estupro ainda existe, mas as consequências para o agressor são devastadoras. Na hora em que ele tentar tirar o pênis de dentro da vagina, centenas de farpas perfuram a pele. "Rape-aXe é uma camisinha para mulheres que, depois de um estupro, se transforma numa camisinha para o homem. A camisinha é feita de látex e plástico, e as farpas são colocadas na parte interna de forma que o homem não consiga retirá-la sozinho", explica Ehlers."O homem deve procurar um hospital o mais rápido possível e retirá-la com um procedimento cirúrgico. A camisinha fica presa ao pênis, é tudo muito doloroso e ele não pode sequer urinar. Na clínica, o procedimento só pode ser realizado com anestesia local."

4 comentários:

  1. Meu Deus ... Alguém pagou para que essa bobagem fosse fabricada??

    ResponderExcluir
  2. Bobagem é o que vc está dizendo.
    Essa camisinha será muita eficaz na África do Sul pois lá de 10 homens 9 já estupraram alguma mulher, e é por essa razão que o índice do vírus HIV só tem aumentado naquele continente.
    Acho muito válido nessas situações, só assim essas pessos vão saber de comportar como tal.

    ResponderExcluir
  3. Concordo com vc, Paulo. Bobagem? O estupro é um dos atos mais hediondos que o homem pode praticar!É justamente por causa da impunidade que estes "monstros" continuam agindo tranquilamente!E tudo, por mais absurdo que possa parecer, é pouco para detê-los!

    ResponderExcluir