quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Puro Esporte: Presente para o Rio. Bom para o Brasil

Por Alisson Matos
Com a confirmação do Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas em 2016, o Brasil após também ter sido escolhido o país que sediará a Copa do Mundo em 2014, tem uma chance de ouro para se consolidar de vez como potência econômica, política e até esportiva. Os benefícios trazidos por ambos os eventos já aparecem. Planos de investimentos em setores fundamentais da economia como construção cível, turismo e infra-estrutura já aquecem a economia brasileira. O fato de o Brasil sediar a primeira Olimpíada na América do Sul, já nos credencia como a maior potência política da região. E por último os milhões de reais que serão investidos em complexos esportivos proporcionará que nossos atletas tenham uma excelente estrutura para desenvolverem seus potenciais. A escolha do Brasil como sede para os dois maiores eventos esportivos do planeta, veio a calhar com um momento especial que o país vive. Somos detentores de uma economia sólida e em pleno desenvolvimento, o que possibilita condições mínimas para a realização de eventos com tamanha magnitude. Há alguns anos a realização de tais eventos seria inviável. Para 2016 temos que tomar como exemplo Barcelona, que em 1992 foi a cidade escolhida para sediar as Olimpíadas. O legado deixado pelo evento fez a cidade passar por o que os norte-americanos chamam de post-mortem, ou seja, uma espécie de renascimento. A cidade se reestruturou e se tornou uma cidade turística, o que aqueceu a economia. O Rio de Janeiro com os investimentos, também pode se tornar uma nova cidade. As Olimpíadas é uma excelente oportunidade para que a cidade mude sua imagem negativa perante o mundo. Há algumas metas a serem batidas, mas creio que serão alcançadas. Temos tudo para realizarmos a melhor Copa do Mundo da história e a mais bela Olimpíada que se tem notícia. Todavia esse é o momento de deixarmos a euforia de lado e nos preocuparmos em fiscalizar o destino do dinheiro que será investido. Chegou a vez do Brasil. Ganhamos dois belos presentes e faremos deles um grande espetáculo para todo o planeta.

11 comentários:

  1. O Brasil tem essa chance há tempos, não precisaria necessariamente desse empurrão do destino. É vergonho0so um país que tem tantos assassinatos sediar coisas assim, O que irrita não é a possibilidade de tragédias - pois há 2 Rios - é essa hipocrisia. Que o povo que apóie não reclame depois de insegurança.

    abç
    Pobre Esponja

    ResponderExcluir
  2. Concordo com você! Será investido muita grana
    e o povo vai passar a valorizar mais todos os esportes e não so o futbol!


    Retribui a visitinha.
    http://sxgamex.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Pode parecer chatice, mas eu vejo esse oba-oba todo, Copa do Mundo, Olimpíada, de uma forma muito cética. Sabemos por que "mãos" passará o dinheiro destinado à realização dos eventos.

    Também não vejo muita graça em ter os olhos do mundo todo virados pra cá por anos - ainda mais com essa nossa obsessão em ficar cada vez mais parecidos com o "primeiro mundo", cada vez mais enquadrados nos comportamentos tido como "politicamente corretos".

    ResponderExcluir
  4. Realmente a Copa do Mundo e as Olimpíadas são grandes oportunidades para o Brasil. Acredito que esses eventos irão melhorar a economia do país, além de gerar empregos e melhorar o transporte, o turismo e a saúde. Nós brasileiros podemos esperar um futuro positivo para o país e a população.

    www.blogdossub15.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Esses eventos trarão vantagens e desvantagens para o Brasil? Claro que sim!

    Mas depende de cada brasileiro o que estes eventos serão em suas vidas. Fico feliz de que meu filho terá cerca de 9 para 11 anos durante estes eventos e irá aproveitar comigo.

    ResponderExcluir
  6. Não adianta não acreditarmos ou fingirmos que não ligamos. Nós queremos, sim, ter uma chance de ficar parecidos com o primeiro mundo, o mais parecidos possível. Queremos, sim, o mundo inteiro voltado para cá -- e que não seja pelas denúncias de corrupção, crimes hediondos e prostituição infantil. Nós queremos, sim, ser reconhecidos; queremos prazo para melhorar; queremos a quantidade enorme de empregos que será criada; queremos respeito internacional, investimento em esportes, em transporte, em segurança. Se apenas com uma Olimpíada os políticos se mexem, não vejo como isso possa ser ruim. Haverá roubos? não sejamos ingênuos: haverá, provavelmente. Mas haveria roubos de qualquer forma, e sem as melhorias subsequentes. Sejamos práticos: precisamos melhorar. Tudo que nos faça melhorar, alcançar o nível mínimo de uma cidade em toda a extensão da palavra, é muitíssimo bem-vindo. Que a Força esteja conosco!!!

    ResponderExcluir
  7. eu espero que os governos (federal, estadual, municipal) invistam mesmo em formar atletas, pois atualmente o patrocínio pelo poder público é zero, e que se investirem, seja uma coisa duradoura e não apenas na época das olimpiadas. Vamos ver se assim conseguimos subir um pouco no qquadro de medalhas, que é ridículo comparado c/ vários outros países.

    ResponderExcluir
  8. Pois é rapaz, vamos ficar de olho no que os caras fazem com o dinheiro - e dar o troco ano que vem, que vai ter eleição.

    Também acho que seria uma boa oportunidade para, entre outros investimentos importantes, recuperar a malha ferroviária nacional.

    ResponderExcluir
  9. eu sou meio radical, penso que deve se tomar cuidado com certas coisas que se planeja fazer, principalmente quando se trata de um evento desse nível
    o brasil não tem condições de ser esse gigante que tanto quer ser
    um país com um congresso parecendo um circo, cada dia um palhaço diferente faz uma cagada diferente, a corrupção toma conta da capital federal, o presidente não vê nada, e a educação é precária, uma prova do enem é roubada embaixo do nariz da segurança e só se descobre que houve o roubo depois que o ladrão tenta vender a prova.
    e a saúde/ filas nos postos de saúde corredores dos hospitais...
    e a segurança? pessoas morrem nas ruas por falta de políciais treinados para combater o crime
    e a educação? professores ganhando miseráveis salários de fome, e em alguns casos em cidades longe dos grandes centros, professores dão aula embaixo de árvores por não ter escola.

    aí eu pergunto,
    se mesmo com essa realidade, os políticos só pensam em aumentar os próprios salários, imagine o que esses ladrões seriam capazes de fazer com tanto dinheiro para construção de toda a infra estrutura para a copa e as olimpíadas?

    sinceramente...
    o brasil precisa muito mais de vergonha na cara do que copa do mundo e olimpíada.

    ResponderExcluir
  10. hahah Sonho meu...Sonho meu...Tem horas que é preciso ser sintética para evitar a fadiga! hauhauhauha

    ResponderExcluir