quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Ceagesp perde 560 toneladas de frutas em enchente

Por Luciana Bonadio
Foto: Werther Santana
A Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp) calcula que 560 toneladas de melancias e abacaxis foram perdidas com a enchente desta quinta-feira (21). Após a perda de mercadorias em três ocasiões nos últimos cinco meses, obras devem começar ainda neste ano para elevar o pavilhão de frutas que costuma alagar. Com o fechamento do entreposto nesta quinta, o prejuízo pode chegar a R$ 15 milhões. “A gente tem que deixar passar essa fase que a venda da melancia é alta [para começar as obras]”, disse Vinicius Ferraz, gerente do departamento de entrepostos. Segundo ele, será feita a elevação da plataforma em 1,20 metro, evitando que a água atinja os produtos. A enchente desta quinta-feira afetou 80% do estoque de melancias que estava no local. O prejuízo estimado dos produtores é de R$ 500 mil. Os estragos desta vez foram bem maiores do que na última enchente, no dia 8 de dezembro, quando 70 toneladas de melancia se perderam. O entreposto havia alagado também no início de setembro, quando 300 toneladas de frutas foram destruídas. Segundo a Ceagesp, as melancias e os abacaxis que entraram em contato com a água nesta quinta-feira serão descartados. A Ceagesp está fechada desde as 3h por causa do alagamento. A água baixou por volta das 12h, quando começou a limpeza no local. A previsão é de que os portões reabram entre 16h e 18h.

Nenhum comentário:

Postar um comentário