segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Chuva suspende decolagens em Congonhas e Zona Leste entra em alerta

Por G1
As decolagens foram suspensas às 17h12 desta segunda-feira (1º) no Aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de São Paulo, por causa do mau tempo na região. O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura de São Paulo, colocou a região da Subprefeitura da Penha, na Zona Leste, em estado de alerta às 17h42 por causa do transbordamento do Córrego Tiquatira. Entraram em estado de atenção às 17h20 a Zona Sul e a Marginal Pinheiros. Já estavam em atenção desde as 16h40 as regiões Leste e Sudeste, além da Marginal Tietê. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrava, às 18h, um ponto de alagamento intransitável na cidade, no cruzamento das avenidas São Miguel e Governador Carvalho Pinto, sentido bairro, na Zona Leste de São Paulo. A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) informou que os pousos ocorriam normalmente em Congonhas no horário. O Aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo, operava sem restrições. De acordo com o CGE, chove moderado com pontos fortes entre os bairros da Mooca, Vila Prudente, Aricanduva e Vila Formosa, na Zona Leste. Nas demais regiões, a precipitação é fraca e isolada. Já na Grande São Paulo, chove forte entre os municípios do ABC, São Lourenço da Serra e Embu-Guaçu. A previsão é de que novas áreas de chuva atinjam a cidade nas próximas horas devido às áreas de instabilidade geradas pelo forte calor desta tarde. Uma estação de trem da linha 10 da CPTM, que liga Luz a Rio Grande da Serra, foi tomada pela água da tempestade. Pouco antes das 18h, a circulação de trens estava suspensa em Santo André, no ABC.

Nenhum comentário:

Postar um comentário