quarta-feira, 28 de abril de 2010

Messenger vai mudar

Por Leopoldo Godoy
O Windows Live Messenger, serviço de mensagens instantâneas mais popular entre os internautas brasileiros, vai ganhar funções de rede social. Apresentado nesta quarta-feira (28) pelo presidente da Microsoft, Steve Ballmer, em evento em São Paulo, o novo programa terá também função de chat com vídeo em alta resolução (HD), e se integrará ao Facebook, rede da qual a Microsoft é detentora de 1,6% das ações, compradas em um acordo de US$ 240 milhões em 2007. Será possível visualizar dentro do ambiente do Messenger conteúdo de outros serviços on-line como LinkedIn, MySpace, Twitter, YouTube e Flickr. Deixe seu comentário ao final do texto. O Brasil foi o local escolhido para o anúncio por ser o país com o maior número de usuários ativos do Messenger. De acordo com o diretor geral do grupo de serviços on-line da Microsoft Brasil, Osvaldo Barbosa de Oliveira, 46 milhões de brasileiros utilizam o Messenger. Em todo o mundo, o sistema conta com 320 milhões de usuários. “Hoje, 25% do tempo gasto pelo internauta brasileiro é com o Messenger”, diz Oliveira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário