sexta-feira, 30 de abril de 2010

William Bonner deixa o Twitter para cuidar da saúde e do trabalho

Por Ricardo Calazans
O apresentador do Jornal Nacional, William Bonner, surpreendeu seus mais de 500 mil seguidores no Twitter ao anunciar sua despedida da rede de microblogs. Em 10 meses, seu perfil se tornou um dos mais populares no Brasil e chegou a receber, em março, o prêmio Shorty Awards, considerado o "Oscar do Twitter", na categoria jornalismo. Sem tempo para cuidar da saúde e dar conta das obrigações profissionais, só restou a Bonner cometer um repentino "twittercídio". Seus fãs reagiram e a expressão "#ficabonner" é uma das mais comentadas no Twitter entre os brasileiros na manhã desta sexta-feira. Na rede social, Bonner desfez a imagem compenetrada do apresentador do "JN" ao manter comunicação constante e informal com os seguidores, a quem chamava de "tropa". Em uma série de "tweets", o "tio" explicou as razões para deixar o microblog: "Experimentei o twitter num intervalo de minha vida profissional:depois de escrever um livro, antes da trabalheira danada de 2010. Agora teremos Copa e Eleições - e vocês não imaginam o quanto isso nos absorve a cada 4 anos. E hoje, quinta, estou onde? Alguém palpita? Estou deitado na cama, bolsa de água quente nas costas, medicado com corticóides, sem condição de sair de casa. Algum palpite do porquê? Simplesmente não tenho cumprido o protocolo de exercícios prescrito em outubro de 2007 para me proteger de uma hérnia discal.Falta de tempo. Hoje, deitado nesse quarto, dores terríveis, vi que não há como protelar a retomada dos exercícios. E não há como retomá-los assim. E daí? E daí que tenho que abrir mão de alguma coisa. Não será da minha família, não será do meu trabalho. Sobrou o tempo do twitter..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário