sexta-feira, 14 de maio de 2010

Virada Cultural em São Paulo vai dos nerds aos ‘quase covers’

Por Amauri Stamboroski Jr.
O maior desafio para quem vai assistir e participar da Virada Cultural de São Paulo é decidir que atração assistir. O evento, que acontece entre este sábado (15) e domingo (16) reúne centenas de atrações artísticas gratuitas no centro da cidade e em locais como CEUs e unidades da rede SESC. Como nos anos anteriores, a região central vai concentrar os principais palcos, especialmente os musicais. A programação é variada, com algumas mudanças significativas em relação às outras edições do evento. O palco principal, que traz artistas como os norte-americanos do Living Colour e a cantora Céu, vai para a Praça Júlio Prestes, e o tradicional palco de rock da Praça da República (agora ocupado pelo samba) sobe a Avenida São João, ocupando o mesmo lugar onde estava o palco principal em 2009. Boa parte das atrações internacionais são conhecidas por terem participado da carreira de artistas famosos. É o caso do L.A. Guns, que toca às 3h da madrugada de domingo (16) no palco da São João. Seu líder, Traci Guns, fundou o Guns N’ Roses ao lado de Axl Rose (que vinha do grupo Hollywood Rose) nos anos 80, mas deixou a banda para reformar o L.A. Guns meses depois.O grupo de blues rock Big Brother & the Holding Co., por sua vez, é mais famoso por ter abrigado Janis Joplin antes que a cantora partisse em carreira solo no fim dos anos 60. Já bandas como Grand Mothers, formado por ex-integrantes do Mothers of Invention (grupo de apoio do guitarrista Frank Zappa) e que abre o palco rock da São João às 20h do sábado (15), chegam à beira do cover.

Nenhum comentário:

Postar um comentário