sexta-feira, 18 de junho de 2010

"Menopausa masculina" existe, mas é rara

Por BBC Brasil
Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Manchester, na Grã-Bretanha, afirmou ter comprovado a existência da andropausa, a "menopausa" masculina, mas revelou que ela é rara.
Os pesquisadores analisaram mais de 3.369 homens entre 40 e 79 anos de oito cidades europeias para verificar se eles enfrentam o problema, também chamado hipogonadismo masculino tardio, que se reflete em um declínio na produção do hormônio masculino testosterona. Eles afirmam que apenas 2% dos analisados mostraram de fato enfrentar a condição, frequentemente diagnosticada erroneamente, já que sintomas associados à andropausa também estão ligados a outros problemas de saúde e à obesidade. "Nossas descobertas identificaram os sintomas-chave do hipogonadismo masculino tardio e sugerem que o tratamento com testosterona (geralmente recomendado para a enfrentar a andropausa) pode ser útil apenas em um número relativamente pequeno de casos", afirmou o professor Fred Wu, da Escola de Biomedicina da Universidade de Manchester, que liderou o estudo. A pesquisa foi divulgada na publicação científica New England Journal of Medicine. Sintomas e diagnóstico excessivo Os pesquisadores fizeram perguntas aos homens analisados a respeito de sua saúde física, mental e sexual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário