sábado, 10 de julho de 2010

Depois de dar um tempo na carreira, Felipe Dylon volta em seriado do Multishow

Por Renata Leal
Aos 16 anos ele estourou nas paradas de sucesso. Ídolo teen, Felipe Dylon participou de programas de TV e fez shows por todo o país com músicas como "Musa do Verão" e "Deixa disso". Nos últimos anos, Felipe ficou mais recluso e, nesse período, mudou de visual ganhou peso e chegou a usar dreadlocks -, foi internado em uma clínica especializada em desintoxicação e, supostamente, foi visto conversando com uma árvore. Hoje, aos 22 anos e com um visual mais parecido com o que tinha na época em que se lançou, Felipe volta a fazer shows e grava participações na série "Open bar", que estreia em agosto no Multishow.
O GLOBO: Você começou a fazer sucesso muito novo. Isso assustou você?
FELIPE DYLON: Nunca. Todas as coisas que aconteceram no meu trabalho tinham uma estrutura muito bem montada.
O GLOBO: Por que parou de fazer shows?
DYLON: As coisas vão mudando e não adianta fazermos o que não tem mais a ver com a gente. Esse período foi bom para eu saber o que tinha mais a ver comigo.
O GLOBO: Você teria sido visto conversando com uma árvore e foi para uma clínica especializada em desintoxicação. O que aconteceu?
DYLON: Mentira. Nunca conversei com árvore e nunca usei drogas. Eu estava me alimentando mal e fui para a clínica para repor potássio e me alimentar melhor.
O GLOBO: Com a série, você pretende investir na carreira de ator?
DYLON: Sim, estou adorando atuar e pretendo realizar trabalhos em TV, cinema e teatro. Estou estudando muito para isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário