quinta-feira, 15 de julho de 2010

Filme sobre vida de Carmen Miranda provoca polêmica

Por Denise Menchen e Fernanda Ezabella
Antes mesmo de sair do papel, o projeto de um produtor americano de levar a vida de Carmen Miranda aos cinemas provoca uma série de controvérsias. Intitulada "Maracas: The Carmen Miranda Story" (Maracas: a história de Carmen Miranda), a produção é questionada por representantes dos herdeiros da cantora e gera desconfiança --a maraca, espécie de chocalho, raramente foi usada por Carmen, que tinha no movimento livre das mãos uma de suas características. Responsável pelo projeto, Buddy Bregman, 80, busca financiamento. A movimentação está sendo feita à revelia dos herdeiros de Carmen, que, em 2009, criaram uma empresa para administrar seu legado. O advogado Arnaldo Gonçalves Dias, da Carmen Miranda Administração e Licenciamento, diz que a empresa não foi procurada. Mesmo se fosse, porém, a gravação provavelmente não seria autorizada: o direito de levar a vida da cantora às telas foi vendido em 1998 para a produtora Paula Lavigne, em uma operação que os herdeiros tentam desfazer. O motivo alegado é a demora de Paula para dar início ao projeto. Ela diz que nada foi feito devido às incertezas jurídicas em torno do contrato no passado, outra produtora chegou a começar um filme sobre a cantora, depois barrado na Justiça. "Enquanto não houver uma decisão da Justiça ou um acordo entre as partes, infelizmente esse filme sobre a vida da Carmen não pode sair", lamenta Dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário