sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Eleição de 2010 tem mais chamados "famosos" que a de 2006

Por Dayanne Sousa
Não é só impressão. Quem assiste ao horário eleitoral, vê um excesso daqueles que a mídia se acostumou a chamar de "famosos" tentando mudar de carreira. E de fato eles estão mais frequentes. Há ainda os candidatos à fama, as subcelebridades - ou nem isso. Comparadas com as eleições de 2006, as deste ano têm um significativo aumento de candidatos que se classificam como cantores, músicos e atletas disputando votos. Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostram que mais que dobrou o número de candidatos que se descrevem como músicos. Em 2006 eram 38 e agora são 79. Entre eles, estão Kiko e Leandro, da banda KLB, candidatos respectivamente a deputado federal e estadual pelo partido Democratas. Outro candidato músico é Juca Chaves, que disputa uma vaga de deputado federal pelo PR. Este ano há mais candidatos no total (cerca de 20% a mais que no pleito de quatro anos atrás). Ainda assim, o crescimento do número de "famosos" foi acima desse valor e chega a 35%. Além dos músicos, atores, produtores de espetáculos, cantores, atletas, escritores e modelos somam 262 na disputa por qualquer um dos cinco cargos desta votação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário