quarta-feira, 1 de setembro de 2010

'O gol eu fiz com minha irmã ', diz Junior Lima, que lança terceiro projeto musical sem a irmã Sandy

Por Christina Fuscaldo
Da dupla mais famosa do Brasil, mas, desde que parou de cantar com a irmã, Sandy, há três anos, pouco se ouviu falar no nome de Junior. Só que o filho mais novo de Xororó continua respirando música. Baterista assumido, andou pelo underground paulistano com o grupo Soul Funk, que acabou em 2007; e lançou CD com a banda Nove Mil Anjos, que só teve um ano de vida. Agora, ele volta à carga com o Dexterz, um trio de música eletrônica. Para o paulista, é tempo de experimentar.- As pessoas me perguntam se estou numa busca musical ou tentando me encontrar. Mas já me encontrei. O gol eu já fiz com minha irmã. Agora, aos 26 anos, quero experiência e desafio. Aprender coisas novas é o meu prazer - diz Junior. Durante 17 anos, os filhos de Xororó foram do sertanejo ao pop. Quando Sandy Leah Lima quis cantar MPB e Durval de Lima Junior virou suas baquetas para o rock, a solução foi o rompimento. - Tínhamos muitos fãs e a responsabilidade era grande. Para fazer o que eu queria, tive que romper e começar do zero - conta o músico. Atualmente, Junior encontra Sandy em casa ou em sessões de estúdio: foi coautor de faixas e produtor do primeiro CD solo da irmã, "Manuscrito". Ele não descarta reviver os velhos tempos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário