sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Aniversário de Lula deve marcar dia de mobilização pró-Dilma

Por Maria Lima
O tom mais emocional da reta final da campanha de Dilma Rousseff será dado com um ato festivo no dia 27, na comemoração de 65 anos do presidente Lula e mesma data em que, há oito anos, ele foi eleito presidente da República. Para esta data a campanha petista organiza o "Dia Nacional de mobilização para conseguir a vitória de Dilma", com um bandeiraço e adesivaço em todo país. Nesta sexta-feira, o presidente Lula recebeu de presente do presidente da Abrinq o carro de brinquedo número um bilhão fabricado no Brasil. A campanha "Dê a vitória de Dilma de presente a Lula" foi definida na reunião da Executiva Nacional do PT no início da semana e desde quinta-feira os principais coordenadores vem levando o mote às redes sociais. " Não me importo de ganhar presente atrasado. Quero que o Brasil me dê de presente a Dilma presidente ". Lula também já está integrado à mobilização e tem pedido a eleição de Dilma como presente de aniversário em todos os comícios do segundo turno. Em Goiânia essa semana, disse que na verdade o presente não seria para ele, mas para 190 milhões de brasileiros. - Não me importo de ganhar presente atrasado. Eu quero que o Brasil me dê de presente a Dilma presidente do Brasil no dia 31 de outubro - pediu Lula no comício de Teresina semana passada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário