quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Homer Simpson é católico, afirma Vaticano

Por Cineclick
Parece que os membros do Vaticano têm assistido bastante televisão, especificamente, Os Simpsons - e deram a eles, sua "absolvição". O jornal oficial do estado, Osservatore Romano, declarou que tanto Homer Simpson, quanto seu filho, Bart, são católicos."Poucas pessoas sabem, e ele faz tudo para escondê-lo, mas é verdade: Homer é um católico", afirmou a publicação, apesar de reconhecer que o personagem dorme durante os sermões do reverendo Lovejoy e humilha seu vizinho protestante, Ned Flanders.Ainda de acordo com o jornal, a série de desenhos animados explora temas como família, educação, comunidade e religião de uma maneira que poucos outros programas de televisão conseguem fazer."Os Simpsons estão entre os poucos programas de televisão para crianças em que a fé cristã, a religião, e questões sobre Deus são temas recorrentes", disse o jornal. O Osservatore Romano também citou o estudo de um padre jesuíta sobre um episódio de 2005, intitulado de The Father, the Son and the Holy Guest Star. O capítulo começa com Bart sendo expulso da escola de Springfield. Ele então é matriculado em um colégio católico, onde conhece um padre, que o introduz com bondade ao Catolicismo. Homer decide, em apoio ao filho, se converter à religião - para desespero da mulher Marge, do reverendo Lovejoy e do vizinho Ned Flanders.Em contra partida, o produtor executivo de Os Simpsons, discordou da afirmação: "Nós temos muito claramente demonstrado que Homer não é católico".

Nenhum comentário:

Postar um comentário