quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Matheus Rocha abre mostra sobre dinheiro no Rio

Por Agência Estado
No Centro Cultural Banco do Brasil do Rio, a Galeria de Valores é onde, há dois anos, está montada uma exposição permanente sobre a história do dinheiro, criada a partir do acervo de notas e moedas do Banco do Brasil. Fica no quarto andar do prédio histórico da Rua Primeiro de Março, no centro - e costuma receber crianças em excursão. No segundo andar, o jovem artista plástico Matheus Rocha Pitta montou a sua própria galeria, e com seus próprios valores. Ele escolheu dar o nome "Galeria de Valores à mostra", na novíssima Sala A Contemporânea desde a semana passada, justamente para brincar com o perfil do edifício, inaugurado como sede da Associação Comercial, em 1906, e depois transformado em Banco do Brasil. É a primeira individual numa instituição deste porte do mineiro de 30 anos, cujo nome há dez ressoa no circuito das artes. No período, ele se mudou para o Rio e estudou História e Filosofia. São trabalhos inéditos, que Rocha Pitta desenvolveu de 2007 para cá e que discutem questões como a relação entre o dinheiro e a fé. Os nomes das obras aludem à vocação da casa: Fundo Falso, Fundos Reais, Jazida.
Galeria de Valores - Sala A Contemporânea
Onde: CCBB Rio (Rua Primeiro de Março, 66).
Quando: Até 07/11. De terça a domingo, das 10 às 21h.
Quanto: Grátis

Nenhum comentário:

Postar um comentário