terça-feira, 29 de março de 2011

Revista Caras é CENSURADA


Por Paulo Sanseverino A ditadura já acabou, mas ainda deixa seu rastro de polêmicas até hoje. Dessa vez o alvo de censura foi a revista Caras, que foi impedida de publicar uma suposta carta que a atriz e escritora, Cibele Dorsa deixou antes de se suicidar na madrugada deste sábado (26), para a redação da revista. A ação foi acionada pelo cavaleiro Doda Miranda, ex-marido de Cibele, com quem tem uma filha de 11 anos, os advogados de Miranda moveram a ação para impedir que a carta fosse publicada e mencionassem o seu nome na publicação, que sairia nas bancas no dia 30.“A edição impressa circulará esta semana tarjada como em épocas de censura militar, devido ao fato de que todo o material se encontrava em processo de impressão quando o mandado judicial chegou à editora. Infelizmente, não nos restou outra alternativa aos sermos surpreendidos por uma ordem judicial que nos proíbe mencionar - seja nos nossos textos quanto nas palavras da própria Cibele - determinada pessoa a quem a atriz se referiu em suas mensagens”, declarou a revista com indignação. Na carta proibida, Cibele faz muitas críticas sobre o ex-marido, por isso tamanho desejo de proibir o conteúdo da carta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário